5 Dicas para Ser Vegano estando Cercado por Carnívoros

5 Dicas para Ser Vegano estando Cercado por Carnívoros

Você já se perguntou se é possível surfar a onda vegan estando em um mar de carnívoros? Neste artigo, compartilhamos 5 dicas para ser vegano sem precisar complicar a sua vida, nem se estressar com as pessoas ao seu redor.

Se você convive com namorad@, companheir@, amig@s e familiares que optam por consumir produtos animais… Don’t worry, be happy. Siga em frente e aproveite esses conselhos: 

1. Estabeleça limites baseados na compaixão

Esta é uma das dicas para ser vegano que mais valor aportará à sua vida. Por que podemos afirmar isso? Porque aprendemos com a nossa própria experiência! 

Embora, às vezes, possa parecer difícil de entender, o fato é que nem sempre as pessoas (nós, inclusive) concordamos com as decisões alheias. Muita gente tende a criticar, duvidar e até desmerecer aquilo que difere de suas próprias crenças. 

Para ser feliz, é preciso aprender a conviver com esse fato. Querendo ou não, é imperativo que aceitemos as discordâncias e nos permitamos ser felizes. E isso não ocorre somente em relação ao veganismo, mas também em muitos outros aspectos da vida cotidiana. 

Nesse sentido, o limite da compaixão visa conciliar ambas posições. A sua e a das outras pessoas ao seu redor. O respeito mútuo é o pilar de toda relação saudável. Esclareça qual é a sua postura, converse e escute, dialogue sem brigar. E aceite! 

Lembre que você não é vegano desde de que nasceu. Precisou aprender e refletir muito para chegar até aqui. Livre-se das culpas, dos ressentimentos e das comparações, pois cada relação é unica. Tudo ótimo se você quer ser autêntic@, mas não descuide de quem está ao seu lado. 

2. O bem e o bom são contagiosos 

vegano com carnivoros

Está na hora de comer? Seus companheiros de trabalho querem fazer um lanchinho? Seu plano de fim de noite é assistir a uma série com seu/sua namorad@? Vai receber amigos em casa? 

Todas essas ocasiões são perfeitas para deixar reluzir o brilho do veganismo feliz que todos nós, vegan@s, levamos dentro de nós. Ensinar com o exemplo, cuidando da nossa saúde, tendo boa disposição e demonstrando uma atitude positiva. A melhor maneira de mostrar a beleza da vida vegana é ser a representação física, mental e espiritual de todos os seus benefícios. 

Ninguém poderá negar a importância das palavras. Mas geralmente, as pessoas tendem a repensar seus preconceitos e mudar de opinião quando são testemunhas dos fatos. Então, tentemos falar menos e agir mais. “A little less conversation, a little more action…”

3. Compartilhe coisas gostosas 

Já sabemos que tudo o que é bom contagia. Mas antes de compartilhar levedura nutricional, tente oferecer coisas mais atrativas e menos intimidantes. Comece veganizando os favoritos! Se os tacos são os preferidos d@ namorad@, experimente essas ideias. Que tal compartilhar uma pizza ou massas caseiras 100% livres de crueldade? 

Com amor e bondade, aproveite a ocasião e  comida gostosa para explicar os benefícios do(s) prato(s) que você escolheu servir. Nutrir também é uma demonstração de afeto.  

 

Todos traçamos nosso próprio caminho

nuestro camino vegano

Estabelecer prioridades é fundamental. Todos traçamos nosso próprio caminho. Então, você prefere travar discussões que não levarão a lugar nenhum ou simplesmente aceitar que nem todo mundo vai concordar com suas escolhas e opiniões? 

Cair em si e perceber que seus familiares, amigos, irmãos e outras pessoas queridas continuarão comendo criaturas com olhos, patas e sentimentos pode ser muito frustrante. Mas você precisa escolher as suas batalhas! Porque nenhum de nós detém o poder de mudar o outro.

As pessoas decidem mudar quando percebem que chegou o momento apropriado e estão prontas para encarar uma transformação. Tentar forçar uma mudança só vai gerar tensão. Embora possa parecer rude, nestes casos, o mais saudável será aplicar a filosofia do “sorria e acene” para evitar desgastes desnecessários. 

Mente aberta e  diálogo saudável

Se eventualmente você se sentir como um peixe fora d’água, procure uma rede de contenção. Mas antes de se unir a um grupo vegano para trocar ideias e experiências, converse com as pessoas mais queridas e próximas a você.  

Fomentar uma comunicação respeitosa, considerar os seus próprios sentimentos e também os dos outros, e manter o bom humor são três dicas para ser vegano e evitar estresses. Abra a sua mente e esteja dispost@ a aprender e ensinar coisas novas. Só lembre de abordar as questões relacionados com os alimentos sem fazer julgamentos prévios. 

Você se identifica com essas ideias? Tem outras dicas para ser vegano estando rodeado por carnívoros? Deixe seu comentário e compartilha com a gente! Adoramos ler você 🙂 

¿Te gusta este contenido? ¡Compártelo! 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Total Page Visits: 107

También Te Podría Interesar:

×
×

Carrinho